REDES SOCIAIS

Blog

04.04 0
COMENTÁRIO(S)

Lenine e Orquestras

Em 2005 Lenine estreou seu primeiro show sinfônico com a Orquestra Nacional de Île de France, no Theatro Zenith, em Paris.  O evento coroou o “Ano do Brasil na França”, trazendo suas composições com novos arranjos feitos pelo maestro Ruriá Duprat.  Ao ver sua obra “vestida de roupa de domingo”, Lenine decidiu que, de alguma maneira, incluiria novos concertos como aquele em suas futuras turnês.

A partir de então, Lenine já dividiu o palco com grandes talentos da música instrumental, seja com orquestras eruditas, como a Orquestra Sinfônica Brasileira, Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, Orquestra Sinfônica do Mato Grosso, Orquestra Sinfônica de Campinas, Orquestra Sinfônica do Recife, Orquestra Sinfônica de Heliópolis, entre outras; ou com orquestras contemporâneas como a Rumpilezz, do maestro Letieres Leite, e A Martin Fondse Orchestra, da Holanda, com quem excursionou o Brasil e a Europa com o espetáculo “The Bridge”.

Lenine e Orquestra Unisinos

Lenine e Orquestra Unisinos

No último domingo, dia 3 de abril, foi a vez da Orquestra Unisinos de Anchieta, em apresentação na Virada Sustentável de Porto Alegre. O repertório do show incluiu músicas de várias fases da carreira de Lenine, como “Lavadeira do rio” (Lenine/ Braulio Tavares), “Leão do Norte” (Lenine / Paulo César Pinheiro), “Silêncio das estrelas” e “Paciência” (Lenine / Dudu Falcão). De Carbono, estão garantidas “O Universo na cabeça do alfinete” e “À meia noite dos tambores silenciosos”, gravados com A Martin Fondse Orchestra e Letieres Leite & Orquestra Rumpilezz.

Leia entrevista do cantautor ao Jornal Zero Hora: http://zh.clicrbs.com.br/rs/entretenimento/noticia/2016/04/lenine-se-apresentara-com-orquestra-na-virada-sustentavel-5711813.html#

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO
Comentário

0 COMENTÁRIO(S)